BOAS VINDAS

SEJAM BEM-VINDOS AO ICAPUÍ POÉTICO.OBRIGADO PELA VISITA.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

PÁSCOA



Profº Antônio José


MEU SENHOR, MINHA SENHORA
VOU FALAR DE VIDA NOVA
DE UM JEITO DIFERENTE
DE VIVER ANTES DA COVA
BUSCANDO O AMOR FRATERNO,
A EXPRESSÃO DO ETERNO 
NUM MUNDO DE MUITA PROVA.

A PÁSCOA  É UM MOMENTO
DE MUITA REFLEXÃO,
POIS CRISTO RESSUSCITOU
PARA NOS DAR SALVAÇÃO
E PEDE DE TODA GENTE
UMA VIDA POR MAIS DECENTE
COM AMOR E COMUNHÃO.

COM A MORTE DO SENHOR
E A SUA RESSURREIÇÃO
NASCE DE PERTO A ESPERANÇA
QUE BROTA NO CORAÇÃO
DE CONSTRUIR ALGO NOVO
PARA O BEM DE NOSSO POVO
E A GRANDEZA DA NAÇÃO.

NO ANTIGO TESTAMENTO
A FESTA COMEMORAVA
A SAIDA DOS HEBREUS
DA  TERRA ONDE HABITAVA
HOJE A PÁSCOA É MUDANÇA
VIDA NOVA E ESPERANÇA
O QUE CRISTO ENSINAVA.


PÁSCOA NÃO SE LIMITA
SOMENTE AO CONSUMISMO
A COMPRA DE CHOCOLATE
OU A TODO MODERNISMO
ELA TEM OUTRO VALOR
VIDA NOVA, MEU SENHOR
CHEIA DE ILUMINISMO.


ESSE É MAIS UM CORDEL
DO POETA PROFESSOR
QUE ESCREVE O QUE PENSA
O QUE SENTE, SEM TEMOR,
MAS AGORA VAI EMBORA
VOLTARÁ A QUALQUER HORA
OBRIGADO, MEU LEITOR.

'

quarta-feira, 4 de abril de 2012


SESSÃO ITINERANTE TERMINA EM DESORDEM
 Profº Antônio José
 
O que era para ser um momento de reivindicação, proposição e defesa de prioridades da comunidade, torna-se em algazarra, alvoroço e pancadaria. Como educador, cidadão icapuiense e estando  hoje diretor da E.E.F.PROFª JOANA MARQUES BEZERRA, onde acontecia o evento , não concebo uma comunidade que se diz protagonista  onde não se tem a capacidade de lidar com as diferenças. Independente das opções políticas, religiosas de cada um, o que me parece mais valioso e grande é o bem está da comunidade que, a meu ver, se sobrepõe a toda e qualquer diferença ou desavença.

Lamentavelmente, quando tudo parecia transcorrer na maior tranquilidade, ver-se uma cena repudiável, envolvendo diferentes pessoas, o que tirou o brio de uma reunião que aparentemente apontaria caminhos para problemas gritantes de nossa comunidade. O fato é que se cobra muito das autoridades e até se condena uma ou outra por omissão e falta de comprometimento político, porém é preciso avaliar atitudes de comunitários que se não inviabilizam, contribuem para dificultar o encaminhamento de possíveis soluções.

A nossa comunidade, ainda acredito, é pacífica e não vamos aceitar comportamentos antissociais que colocam em risco o patrimônio público e, sobretudo vidas humanas, pois enquanto pais e educadores estamos constantemente ensinando os nossos filhos a seguirem normas de conduta necessárias ao convívio social. Como ficam as nossas crianças, jovens e adolescentes vendo ou sabendo de tais comportamentos envolvendo familiares?

Penso que uma das formas eficientes de se educar um povo é pelo exemplo e que exemplo! Não, não é assim que vamos conquistar melhorias para a nossa comunidade, mas através da união de todos onde as Barreiras não são barreiras para vencermos os nossos desafios.

Fica aqui o meu repúdio a toda e qualquer atitude que não colabora com o bem estar e o desenvolvimento de nosso povo. Barreiras é maior do que o ocorrido, Barreiras não são barreiras!!!